» » Mau Hálito (Halitose) – O que Pode Ser?

Mau Hálito (Halitose) – O que Pode Ser?

O mau hálito pode ter diversas causas: má higiene bucal, doenças associadas ao estômago e garganta, ou ser normal em alguns casos, como ao acordar.

A halitose é uma consequência quando a higiene bucal não é feita de forma correta, pois pode resultar em:

  • Língua mal escovada, que forma a “saburra”, uma camada branca que fica sobre a língua e é formada por células mortas, bactérias, muco e restos de alimentos;
  • Cáries nos dentes;
  • Pedaços de comida entre os dentes que não são retirados com o fio dental e acabam fermentando e apodrecendo, favorecendo a multiplicação de bactérias no local e a produção das substâncias que causam a halitose.

O uso de certos medicamentos e a ingestão de alimentos com odores fortes, como alho e cebola, também causam o mau hálito.

Mau Hálito ao Acordar

O mau hálito ao acordar é comum e desaparece logo que a escovação é feita. Já que não produzimos muita saliva enquanto dormimos a boca fica mais ressecada nesse período e as bactérias multiplicam-se, gerando o mau hálito.

A saliva é rica em oxigênio e funciona como a defesa natural da boca contra as bactérias anaeróbicas (que vivem sem oxigênio) que causam o mau hálito.



Mau Hálito Causado por Estresse e Medicamentos

O estresse em excesso e o uso de certos medicamentos, principalmente os antidepressivos fazem com que a produção de saliva seja menor, aumentando a quantidade de uma proteína chamada mucina que atrai os restos de alimentos que acabam se acumulando na língua.

Esses restos de alimentos acabam formando a saburra na língua juntamente com as células mortas e bactérias que se multiplicam e produzem as substâncias com odor.

Mau Hálito Causado Pela Fome

Quando ficamos sem nos alimentar por mais de 4 horas um quadro de hipoglicemia se inicia – a quantidade de açúcar no sangue diminui e então o organismo passa a queimar o ácido graxo em vez da glicose para obter energia. E como esse ácido tem um mau cheiro, ele pode ser sentido quando a pessoa sua, expira ou fala.

Esse problema é resolvido de forma bem simples: basta fazer uma refeição e o mau cheiro some.

Mau Hálito Associado ao Estômago e Garganta

Diferente do que se pensa, o mau hálito não vem do estômago, já que a halitose tem a ver com o ar que expelimos dos pulmões. O que se pode confundir com o mau hálito, é quando uma pessoa arrota e um mau cheiro ácido misturado com o cheiro do alimento que se comeu é sentido.

Nos casos do refluxo gastroesofágico o que se sente não é o mau hálito propriamente dito, mas sim o cheiro dos ácidos estomacais que retornam pelo esôfago para a boca juntamente com restos de alimentos.

No caso da garganta, o mau hálito pode ser causado por cáseos amigdalianos: pequenas massinhas que se formam nas amígdalas, compostas do mesmo material da saburra da língua, com mau cheiro que pode ser sentido quando a pessoa fala.

Doenças que Causam Mau Hálito

  • Problemas dentários, como gengivite (inflamação da gengiva);
  • Desequilíbrio da trimetilamina durante o processo digestivo: é uma doença genética na qual o corpo é incapaz de digerir a substância trimetilamina que existe em alguns alimentos. Por esse motivo, os pacientes com essa desordem desenvolvem um “cheiro de peixe” no hálito e também na urina. Não existe cura para o problema;
  • Refluxo gastroesofágico, insuficiência renal e insuficiência hepática (do fígado), devido à liberação de algumas toxinas desses órgãos pelos pulmões;
  • Diabetes.



Mau Hálito na Gravidez

O mau hálito na gravidez é causado por:

  • Alterações hormonais: são próprias desse período e acabam criando um ambiente propício para a formação das placas bacterianas nos dentes. Essas bactérias que se alojam decompõem os restos de alimentos que ficam presos entre os dentes e produzem gases com mau cheiro, e é daí que pode vir o mau hálito;
  • Gengivite: se a gengiva não for higienizada corretamente com a escovação e o fio dental, ela pode inflamar, formando a gengivite. Como na gravidez a fome aumenta e algumas mulheres comem constantemente, esses já são fatores para que mais alimentos fiquem entre os dentes e então as bactérias presentes no local agem na decomposição deles, provocando o mau hálito.
  • Desidratação: já que a boca fica mais seca e sem a proteção da saliva para eliminar as bactérias do local, o mau hálito pode surgir com mais frequência;
  • Enjoos matinais: os alimentos que não são totalmente digeridos e a ânsia de vômito podem deixar um mau cheiro ácido na boca.

Mau Hálito tem Cura?

Na grande maioria dos casos, sim.

Quando o mau hálito é causado pela saburra na língua ou pela falta da higienização adequada dos dentes, a cura envolve mudança de hábitos de higiene.

Quando o mau hálito é causado por outras doenças ou é constante e não passa nem quando a higienização é feita do jeito certo, é preciso descobrir, tratar e/ou controlar a origem do problema, nos casos de doenças crônicas, como a diabetes, por exemplo.

Tratamento para Mau Hálito

  • O primeiro passo e o mais óbvio é fazer a higiene bucal todos os dias, escovando dentes e língua ao menos 3 vezes por dia e passando o fio dental. Raspadores de língua e enxaguantes bucais podem ajudar no tratamento e prevenção ao mesmo tempo;
  • Não esqueça de escovar o interior das bochechas;
  • Há casos em que a saburra da língua é formada mesmo se o paciente faz a higiene bucal de forma correta. O primeiro passo então é descobrir porque esse desequilíbrio está ocorrendo; 
  • Vá ao dentista! Ele poderá tratar cáries ou outros problemas dentários que podem estar causando o mau hálito.
  • No caso de mau hálito causado por outras doenças, é necessário tratar a origem do problema;
  • Faça bochechos com água oxigenada: ela ajuda a curar as inflamações da gengiva e combate os micro-organismos nocivos.




Tratamento Natural para Mau Hálito

  • Mastigue gengibre, folhas de hortelã ou cravos: são condimentos aromáticos que deixam o hálito fresco e combatem ainda os micro-organismos que podem causar a halitose;
  • Faça bochechos duas vezes ao dia com chá de hortelã depois de escovar os dentes: coloque 1 colher de sopa de folhas de hortelã picada em uma 1 xícara com água fervente e cubra por 15 minutos. Depois é só utilizar.

Como Prevenir o Mau Hálito

  • Mantenha sua boca e língua sempre limpas após as refeições;
  • Coma de 3 em 3 horas;
  • Beba bastante água;
  • Visite o dentista ao menos 2 vezes por ano.

Atualizado em: 23/05/2018 na categoria: Doenças na Boca