Filariose

A filariose é uma doença parasitária crônica causada por vermes nematoides – as filárias. O parasita responsável pela doença humana é o nematoide Wuchereria bancrofti, e o vetor ou transmissor da doença é o mosquito Culex quiquefasciatus (pernilongo ou muriçoca), que, ao picar o indivíduo infectado, contrai o parasita e transmite a outras pessoas através de picadas na pele. O ser humano é a fonte primária de infecção. A doença é caracterizada pela infestação do sangue e dos tecidos do corpo pelos vermes do gênero Filaria que, ao morrerem em fase adulta dentro do corpo humano, produzem reação inflamatória e obstrução dos vasos linfáticos.


Sintomas de Filariose

Sintomas de filariose na fase aguda:

  • Inflamação dos vasos linfáticos e linfadenites;
  • Febre;
  • Dor de cabeça;
  • Mal estar.

Outros sintomas também se desenvolvem com o passar de meses, ou até anos, como:

  • Inchaço de membros, e/ou mamas no caso das mulheres;
  • Inchaço por retenção de líquido nos testículos, no caso dos homens;
  • Doenças infecciosas da pele;
  • Presença de gordura na urina;
  • Eventualmente, a filariose pode evoluir para formas graves e incapacitantes de elefantíase (aumento excessivo do tamanho de membros).

Atualizado em: 16/03/2017 na categoria: Doenças Crônicas, Doenças do Sistema Circulatório, Doenças Inflamatórias