» » Celulite: Causas, Como Eliminar e Celulite Infecciosa

Celulite: Causas, Como Eliminar e Celulite Infecciosa

As celulites são os furinhos e ondulações na pele causados pelo acúmulo de gordura, água e toxinas nas células. O tratamento para acabar com a celulite é multifatorial: envolve reeducação alimentar, exercícios físicos, cremes e procedimentos estéticos.

O que é Celulite? Quais são as suas Causas?

A Lipodistrofia Ginoide, conhecida popularmente como celulite, consiste nos furinhos e no aspecto de “casca de laranja” da pele causados por alterações no tecido gorduroso, aumento do tecido fibroso, alterações na microcirculação e o o acúmulo de gordura, água e toxinas nas células, que se tornam cheias e endurecidas. Ela surge principalmente nas nádegas e coxas.

Qual é o Melhor Tratamento para Celulite?

O tratamento para celulite é feito em conjunto e envolve reeducação alimentar, exercícios físicos, cremes e procedimentos estéticos. Não há apenas uma técnica milagrosa que funcione, mas a combinação de vários fatores.

Primeiramente, é preciso mudar a dieta: evitar alimentos que criam condições favoráveis para o surgimento da celulite, como o sal e o açúcar, e acrescentar alimentos ricos em água que ajudam a eliminar toxinas do corpo e favorecem a perda de gordura e o ganho de proteína. Beber 2 litros de água por dia é fundamental!

A prática de exercícios físicos vem logo em seguida. Fazer 30 minutos de atividade física diariamente, 5 vezes na semana, é ideal: caminhada, corrida, dança, step, musculação, boxe, natação, ciclismo, tudo é válido!

Os cremes anticelulites servem para auxiliar todo o processo. Sozinho eles não têm o poder de acabar com as celulites, mas ajudam a manter a pele hidratada, a dissolver e eliminar a gordura e, com isso, melhoram a aparência da pele, reduzindo o aspecto de “casca de laranja”.

Por fim, há diversos procedimentos estéticos que podem ajudar, como a drenagem linfática que elimina o inchaço provocado pelo acúmulo de líquido, a carboxiterapia, que consiste na injeção de gás carbônico entre a pele e a gordura para estimular a circulação sanguínea, e a subcisão, que destrói as fibras que puxam a pele para baixo e formam os furinhos através de agulhas inseridas na pele.

Leia Mais:

Celulite: Como Eliminar, Cremes e Tratamento Caseiro

Celulite Infecciosa/Bacteriana


A celulite infecciosa é uma doença grave que se espalha com rapidez causada por bactérias que penetram na pele. A celulite infecciosa surge a partir de lesões na pele, como queimaduras, acne, cortes, picadas e micoses, por exemplo.

Os sintomas da celulite infecciosa incluem febre, inchaço e vermelhidão na pele, sensação de queimação e maior sensibilidade, surgimento de bolhas, pus e ínguas no local, dor de cabeça e calafrios.

Celulite Infecciosa tem Cura? Qual é o Tratamento?

A celulite infecciosa tem cura e seu tratamento, que é feito com antibióticos e Penicilina, dura poucos dias ou semanas. A celulite infecciosa pode causar infecção geral no organismo ou mesmo a morte do paciente se não for tratada com urgência.

Remédios analgésicos e antitérmicos podem ser utilizados para aliviar a dor e baixar a febre.

Os especialistas indicados para tratar o problema são os médicos infectologista, dermatologista, clínico geral e geriatra. O paciente deve ir imediatamente ao pronto socorro se os sintomas persistirem por mais de um dia.

Celulite Bacteriana é Contagiosa?

A celulite infecciosa não é contagiosa, ou seja, não passa de pessoa para pessoa.

Celulite Infecciosa na Face

A celulite infecciosa afeta, na grande maioria das vezes, as pernas, mas também pode surgir na face. Ela surge, geralmente, a partir de infecções dentárias que se alastram pela região.

Os tipos mais perigosos de celulite na face são a angina de Ludwig e a trombose do seio cavernoso, que podem ser fatais.

O tratamento é feito da mesma maneira, com antibióticos. A celulite na face pode deixar cicatrizes ou mesmo causar a perda de dentes.

Celulite Infecciosa no Olho

A celulite infecciosa também pode afetar os olhos e ser provocada por um problema primário, como terçol ou conjuntivite. A celulite no olho causa inchaço, aumento de temperatura local e mudança da coloração para rosada ou avermelhada. Mal-estar, dor e febre também podem surgir.

Há dois tipos de celulite no olho: celulite orbitária, interna e mais grave que pode afetar a visão e o movimentos dos olhos, e a pré-septal, que afeta o lado externo do olho e não compromete a visão ou a movimentação ocular.

Se não tratada a tempo, a celulite no olho pode causar perda da visão ou mesmo migrar para o cérebro, formando abcessos. O tratamento da celulite no olho dura em torno de 7 dias e também é feito com antibióticos.

Atualizado em: 23/05/2018 na categoria: Doenças de Pele