» » Sintomas de Aborto Retido – Gravidez Não Evolutiva

Sintomas de Aborto Retido – Gravidez Não Evolutiva

Como saber se o feto está morto no útero? O aborto retido manifesta sintomas como regressão dos sintomas da gestação, cólicas e sangramentos vaginais leves, mas também pode não apresentar sintomas, sendo descoberto apenas durante uma ultrassonografia de rotina no pré-natal. Em outros casos, podem surgir os seguintes sinais:

  • Febre – se o feto sem vida fica por muito tempo no ventre sem apresentar sintomas, pode causar uma infecção;
  • Redução do volume da barriga;
  • O bebê para de “chutar”, caso a mulher já sentisse os movimentos.

O que é um aborto retido?

O aborto retido acontece quando o embrião, feto ou bebê morre mas não é expelido naturalmente pelo organismo. Há ainda casos de gravidez não evolutiva, onde o embrião ou feto para de se desenvolver no início da gestação.

Mulheres de qualquer idade podem ter um aborto retido que acontece, geralmente, no primeiro trimestre da gestação. A maioria dos casos de aborto retido ainda são de causas desconhecidas, e o embrião ou feto simplesmente para de se desenvolver ou morre de repente, sem causas aparentes.

Possíveis Causas para o aborto retido

  • Malformação uterina;
  • Cicatrizes uterinas;
  • Tumores benignos, como miomas;
  • Idade acima de 35 anos;
  • Problemas hormonais;
  • Doenças infecciosas;
  • Abuso de álcool e drogas;
  • Alterações cromossômicas fetais, que também podem provocar a interrupção do desenvolvimento fetal, como parte de um processo de seleção natural da natureza.



O que fazer para prevenir o aborto retido?

É indispensável que a grávida tome ácido fólico e polivitamínicos diariamente no primeiro trimestre da gestação. O ácido fólico previne malformações do tubo neural e, juntamente com os polivitamínicos, contribui para o bom desenvolvimento da gestação.

Caso surja alguma ameaça de aborto, o médico poderá receita cápsulas de Utrogeston, que são compostas por progesterona, o hormônio da gravidez, e ajudam a dar continuidade ao desenvolvimento do feto. A mulher deve introduzi-las diariamente na vagina, de acordo à orientação médica.

Outras medidas que também devem ser tomadas para prevenir aborto retido são:

  • Parar de fumar;
  • Não usar drogas, sendo elas ilegais ou não;
  • Mulheres diabéticas devem fazer o controle da glicemia durante a gestação.

Atualizado em: 23/05/2018 na categoria: Grávidas